expr:class='data:blog.pageType'>

Vice-Governadora Celina Leão Celebra: Novo Creas é Inaugurado no Recanto das Emas

 


Por: Jornalista Kelven Andrade

A vice-governadora Celina Leão anunciou com entusiasmo a inauguração de um novo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) no Recanto das Emas. Essa iniciativa marca um passo significativo na ampliação da rede de apoio socioassistencial no Distrito Federal, refletindo o compromisso do governo em melhorar a qualidade de vida dos cidadãos.

A nova unidade do Creas não atenderá apenas a população do Recanto das Emas, mas também os moradores do Riacho Fundo II e de Água Quente, alcançando um total de cerca de 275 mil pessoas. Essa abrangência regional é crucial para garantir que mais cidadãos tenham acesso aos serviços de assistência social especializados, promovendo a inclusão e o suporte necessário para aqueles em situação de vulnerabilidade.


O Creas tem um papel essencial na comunidade, facilitando o acesso à rede de serviços socioassistenciais. A unidade está equipada para enfrentar situações de risco e violência, oferecendo apoio psicológico, jurídico e social aos que mais precisam. A presença de profissionais capacitados é fundamental para o atendimento eficiente e humanizado, proporcionando um ambiente seguro e acolhedor para os usuários.

Além de prestar serviços diretos à população, o novo Creas também atuará em parceria com outras instituições e órgãos governamentais para fortalecer a rede de proteção social. Essa colaboração é vital para a criação de um sistema integrado e eficaz, que possa responder de maneira adequada às diversas demandas apresentadas pelas comunidades atendidas.

A vice-governadora Celina Leão destacou a importância dessa inauguração para a promoção da justiça social e do bem-estar coletivo. Segundo ela, a abertura de novas unidades de assistência social representa um avanço significativo nas políticas públicas voltadas para a proteção dos direitos humanos e para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

SAIBA MAIS:


Postar um comentário

0 Comentários