Sai o resultado das bolsas de estudo para graduação na UDF – Agência Brasília

0
58


A Escola de Governo (Egov) divulgou, no Diário Oficial de hoje, sexta-feira (6), o resultado final da seleção para o Programa de Concessão de Bolsas de Estudo do Centro Universitário do Distrito Federal (UDF), destinado a servidores e empregados públicos e a sociedade civil, contemplados para o segundo semestre de 2021.

Ao todo, 35 agentes públicos serão beneficiados pelo programa, que viabiliza o ingresso, totalmente gratuito, a cursos de graduação do ensino superior do UDF. Além destes, 37 membros da sociedade civil do Distrito Federal também foram contemplados com a bolsa de estudos integral.

O processo de seleção teve 222 inscrições de servidores e empregados públicos e 79 inscrições de membros da sociedade civil legitimadas pela comissão, tendo sido o curso de direito o mais procurado em ambos os grupos de inscrições.

“Neste momento em que as vidas recomeçam e se renovam, nada como ter pela frente o desafio de uma graduação. Que os servidores aproveitem intensamente essa oportunidade”, disse a secretária executiva de Valorização e Qualidade de Vida, Adriana Faria.

Os contemplados poderão prestar o vestibular do curso para o qual requereram a bolsa de estudo. Uma vez aprovado, basta o candidato fazer a matrícula na instituição que terá o benefício concedido pelo programa.

“É muito bom concluir mais uma edição dessa seleção, contemplando 100% das vagas oferecidas pelo UDF. Este é um projeto transformador e motivador porque proporciona oportunidades de crescimento pessoal e profissional. Ele transforma vidas”, afirmou a presidente da Comissão de Seleção das Bolsas de Estudo e vice-diretora-executiva da Egov, Carolina Oliveira.

A relação nominais dos candidatos contemplados no Programa de Concessão de Bolsas de Estudo do UDF está disponível no DODF, que pode ser acessado pelo seguinte link.

O programa existe desde o final da década de 60 e vem sendo aprimorado a cada edição. Mais informações sobre o programa, podem ser acessadas pelo site da Egov.

* Com informações da Egov



Source link