Em pleno racionamento, tarifa de água será reajustada no DF

Aumento proposto pela Adasa é de 2,56%. Caesb pede pelo menos 5%. Usuários poderão opinar em audiência pública nesta terça-feira (25/4)

0
43

A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa) realiza nesta terça-feira (25/4) audiência pública em que vai apresentar proposta de reajuste nas tarifas de água. O aumento proposto é de 2,56%, para entrar em vigor a partir de 1º de junho. O debate será das 9h às 12h, no auditório da Adasa, na antiga Rodoferroviária.

Quem não puder comparecer poderá enviar sugestões para o e-mail ap_004_2017@adasa.df.gov.br até as 18h de hoje. Após a consolidação, a proposta será votada pela diretoria da Adasa. Não há prazo definido para isso.

A Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb) espera, pelo menos, a reposição da inflação — de cerca de 5% — desde o último reajuste, em junho do ano passado.

Para os usuários residenciais enquadrados na tarifa popular e que consomem até 10 mil litros de água por mês, por exemplo, a tarifa popular será de R$ 2,19. Para o mesmo consumo, no caso da categoria residencial de tarifa normal, o valor é de R$ 2,93. O abastecimento para fins comerciais, industriais e em prédios públicos também deve ser reajustado na mesma porcentagem.