Comando do 3º BPM se reúne com Conseg da Asa Norte


O auditório do Colégio Militar de Brasília foi o ponto de encontro do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) da Asa Norte com o comando do 3º Batalhão. A reunião realizada às 19h desta quinta-feira (18), debateu os problemas da cidade e os resultados alcançados com a rede de vizinhos solidários.
O comandante do Batalhão, major Nafêz Cury, ressaltou que a união entre a comunidade e a polícia militar é a concretização do artigo 144 da CF/88. E revelou os principais problemas enfrentados pela Asa Norte. O oficial elencou furtos à interior de veículos, roubo a transeuntes, furto de cabos de energia e perturbação da tranquilidade.
O sargento Muniz mostrou os resultados práticos de como funciona a rede de vizinhos solidários, maiores detalhes da logística da rede aqui. Os capitães Ávila e Cláudio mostraram os resultados estatísticos da interação entre PMDF e comunidade e orientaram os presentes a tomarem medidas simples para tornar a ação da Polícia Militar mais eficiente.
Por fim, o chefe do Departamento Operacional (Dop), coronel Naime, ressaltou a importância de estender o projeto para todo o DF. “Entendemos que a participação comunitária está ligada com a função principal da Polícia Militar que é a manutenção da ordem pública. A ação dos vizinhos solidários na Asa Norte foi tão bem-sucedida que vai servir de modelagem para todo DF, claro que respeitando as características de cada comunidade”, finalizou o chefe do Dop.
O promotor de Justiça do MPDFT, Dr. Flávio Milhomens, elogiou a iniciativa entre a PMDF e a comunidade e afirmou que a Polícia Militar cumpre seu dever legal dentro dos limites da lei.
Os moradores da Asa Norte realizaram perguntas que foram respondidas pelos policiais militares com a presença de representantes da PCDF, DFLegal, Administração Regional do Plano Piloto, IBRAM, SSP, Neoenergia, Conseg, Detran, Novacap, BRB e Caesb.

 



Source link