Policiais fazem quebra-quebra, e governo cede

Ao menos, seis policiais foram detidos.

0
134
Jornal Destak/Foto: Watsap – 19/04/2017 – 08:45:31

Um protesto de policiais civis contra a reforma da Previdência provocou ontem tumulto e quebra-quebra no prédio do Congresso.

 

Os manifestantes tentaram invadir o Parlamento pela entrada principal, mas foram impedidos pela polícia legislativa. Na confusão, vidraças das portas do local foram quebradas e puderam ser ouvidos ao menos três estouros de bombas de efeito moral.

 

Após o tumulto, o grupo foi recebido pelo relator da reforma, o deputado Arthur Maia (PPS-BA), que aceitou reduzir dos 60 para 55 anos a idade mínima para a categoria pedir a aposentadoria.

“Não estou tratando com os vândalos que fizeram isso. Estou tratando com os representantes parlamentares que representam os policiais”, disse.